Centro de Portugal com participação intensa na FITUR – Feira Internacional de Turismo em Madrid

0
27

A marca Centro de Portugal está a participar de forma intensa na FITUR 2021 – Feira Internacional de Turismo, que se realiza em Madrid até ao próximo domingo. Esta é a primeira feira presencial em todo o mundo no atual contexto de pandemia.

Ontem, no primeiro dia do certame, Pedro Machado, presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal (TCP) e da Agência Regional de Promoção Turística Centro de Portugal (ARPTCP), participou na conferência “Landing – Novas Tendências da Comunicação de Turismo”. Esta conferência é um evento anual integrado na FITUR, em que profissionais da indústria do audiovisual, do turismo, do marketing e da publicidade partilham as suas ideias e experiências.

Pedro Machado foi o único representante português no evento, ao lado da Diretora do Turismo de Barcelona, do Diretor do Turismo de Madrid, do Diretor do Turismo das Grandes Canárias e do CEO do Interface Tourism Spain. O tema da conferência foi “Os Desafios da Comunicação Audiovisual Pós-Covid para os Destinos”.

Projetos transfronteiriços em grande destaque

Publicidade

Também ontem, no pavilhão da Extremadura, teve lugar uma sessão de apresentação do projeto Caminhos Jacobeus do Oeste Peninsular, em que a TCP é interveniente ativa. Este é um projeto transfronteiriço, liderado pela Diputación de Badajoz, que visa a promoção e salvaguarda conjunta do património cultural e turístico dos Caminhos de Santiago. A recente constituição da Rede Transfronteiriça dos Caminhos Jacobeus do Oeste Peninsular veio reforçar a pertinência e a importância desta estratégia comum de preservação, dinamização e comunicação destes itinerários culturais ibéricos.

Na sessão de ontem, Pedro Machado sublinhou a mais-valia deste trabalho conjunto, que dá dimensão e escala a um produto turístico estratégico para ambos os países, e recordou que o Turismo Espiritual e Religioso é um dos pilares estratégicos do posicionamento turístico da região Centro de Portugal. “No ano em que se celebra a Peregrinação a Santiago de Compostela, este trabalho de promoção e comunicação conjunta assume um maior relevo e importância”, disse.

Pedro Machado lembrou que, da parte da TCP, está a decorrer o processo de certificação dos diferentes itinerários do Caminho Português de Santiago, estando em conclusão a colocação de sinalética e painéis informativos. Em breve será lançado o procedimento para o desenvolvimento da aplicação de novas tecnologias ao Caminho, nomeadamente o desenvolvimento de um website e de uma app “Caminhos de Santiago no Centro de Portugal”.

Ainda no produtivo dia de ontem, decorreu no Pavilhão de Castela e Leão uma sessão de apresentação do projeto NAPOCTEP – Rotas Napoleónicas por Espanha e Portugal. Este é outro projeto transfronteiriço, que envolve parceiros de Castela e Leão e do Centro de Portugal, como é o caso da TCP. e que assenta nas Rotas Napoleónicas enquanto produto turístico. Nesse sentido, foram apresentadas as principais Rotas Napoleónicas deste território alargado e foi reafirmada a ambição de posicionar este produto turístico estratégico no contexto do itinerário cultural europeu “Destination Napoléon”.

Os vários parceiros deste projeto estão a desenvolver, com a Federação Europeia das Cidades Napoleónicas, um programa de animação comemorativo do centenário da morte de Napoleão Bonaparte, que decorre ao longo do ano de 2021. Inserido neste programa, a CIM da Região de Coimbra produziu um filme sobre as invasões napoleónicas, que será apresentado em breve.

Pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui